Sinistro

Inicial > Sinistro

Veja como proceder em caso de sinistro, para onde ligar e que documentos providenciar.

Não são exigidos aos documentos o reconhecimento de firmas ou a autenticação de cópias. Decreto Estadual nº 52.658 de 23/01/2008.

Somente em caso de dúvida fundada ou de exigência legal, justificada por escrito, haverá a necessidade de apresentação de documentos com reconhecimento de firmas ou de autenticação de cópias, ou mesmo a contra-apresentação do documento original.

Na verificação de fraude ou falsidade em prova documental tornar-se-ão inexistentes os atos administrativos dela resultantes, cumprindo à Cosesp expedir a comunicação cabível ao órgão local do Ministério Público.


Seguro de Vida

1º PASSO: COMUNICAÇÃO DE SINISTRO (PARA TODAS AS COBERTURAS)

  1. Avise as autoridades competentes.
  2. Contate seu corretor, Estipulante ou agência do banco onde eram feitos os débitos em conta referentes ao prêmio do seguro.
  3. Solicite o preenchimento do formulário de comunicação de sinistro – mod. 9.20.013 disponível no site www.cosespseguros.com.br ou na rede bancária.
  4. Se preenchido o termo de autorização de pagamento de sinistro; mod. 8.20.088 em conta bancária, enviar comprovante de existência da conta ou exigir o abono do gerente da agência para confirmação e dispensa do comprovante. ATENÇÃO: Para menores de 18 anos, apenas conta-poupança de titularidade exclusiva do menor.
  5. Grampeie a documentação a ser enviada e coloque-a em envelope identificado e lacrado para a Cosesp (Departamento de Sinistros) ou malote do banco.

Após a comunicação, entrar em contato com o (11) 3254-4888 para obter o número do sinistro e consultar a posição do processo.

2º PASSO: ENVIO DOS DOCUMENTOS OBRIGATÓRIOS

Caso os documentos solicitados não sejam suficientes para elucidar a ocorrência ou comprovar o direito, a critério da Seguradora, poderão ser solicitados documentos adicionais.

PARA MORTE NATURAL (Segurado Principal ou Cônjuge)

Documentos do Segurado Sinistrado

  • RG e CPF;
  • Comprovante recente de endereço (inferior a 3 meses) e número de telefone;
  • Certidão de Óbito;
  • Certidão de Casamento ou Nascimento (dependendo do estado civil do falecido) (ATUALIZADA);
  • Caso não haja beneficiário indicado no seguro, preencha também oFormulário de Declaração de Herdeiros – mod. 8.20.087.

Documento(s) do(s) Beneficiário(s)

  • RG e CPF;
  • Comprovante recente de endereço (inferior a 3 meses) e número de telefone para contato;
  • Certidão de Casamento ou Nascimento (dependendo do estado civil do beneficiário) (ATUALIZADA);
  • Preenchimento do Questionário de Informações Adicionais – mod. 9.20.137 (por beneficiário).

PARA MORTE POR ACIDENTE (Segurado Principal ou Cônjuge)

Documentos do Segurado Sinistrado

  • RG e CPF;
  • Comprovante recente de endereço (inferior a 3 meses) e número de telefone;
  • Boletim de Ocorrência;
  • Laudo de Levantamento do Local de Acidente elaborado pelo Instituto de Criminalística, se houver;
  • Laudo de Exame de Corpo de Delito – Exame Necroscópico do I.M.L. acompanhado do Exame Toxicológico/dosagem alcoólica Certidão de Óbito;
  • Certidão de Óbito
  • Carteira Nacional de Habilitação – caso tenha sido acidente de trânsito, onde o Segurado conste como condutor do veículo;
  • Caso não haja beneficiário indicado no seguro, preencha também o formulário de Declaração de Herdeiros – mod. 8.20.087.

Documento(s) do(s) Beneficiário(s)

  • RG e CPF;
  • Comprovante recente de endereço (inferior a 3 meses) e número de telefone para contato;
  • Certidão de Casamento ou Nascimento (dependendo do estado civil do beneficiário) (ATUALIZADA);
  • Preenchimento do Questionário de Informações Adicionais – mod. 9.20.137 (por beneficiário).

PARA INVALIDEZ PERMANENTE POR ACIDENTE

Documentos do Segurado Sinistrado

  • RG e CPF;
  • Comprovante recente de endereço (inferior a 3 meses) e número de telefone para contato;
  • Relatórios Médicos;
  • Exames médicos complementares;
  • Exames realizados através de diagnóstico por imagem (radiografia, ultra-sonografia, tomografia, etc);
  • Comunicação de Acidente de Trabalho (se ocorrido no trabalho);
  • Boletim de Ocorrência;
  • Laudo de Levantamento do Local de Acidente elaborado pelo Instituto de Criminalística, se houver;
  • Laudo de Exame de Corpo de Delito – Exame de Lesões Corporais do I.M.L. acompanhado do Exame Toxicológico/dosagem alcoólica;
  • Carteira Nacional de Habilitação – caso tenha sido acidente de trânsito, onde o Segurado conste como condutor do veículo.

PARA INVALIDEZ PERMANENTE POR DOENÇA

Documentos do Segurado Sinistrado

  • RG e CPF;
  • Relatórios Médicos;
  • Exames médicos iniciais utilizados para confirmação da doença e os exames recentes que comprovem a Invalidez Permanente;
  • Comprovante recente de endereço (inferior a 3 meses) e número de telefone para contato.

PARA AUXÍLIO FUNERAL (cobertura Filhos)

Documentos do Segurado Principal

  • RG, CPF e comprovante recente de endereço (inferior a 3 meses) e número de telefone;
  • Outros documentos: certidão de óbito, certidão de nascimento, comprovante de despesas com funeral.

Seguro DPVAT

A COSESP não atende o consórcio DPVAT. Para conhecer as seguradoras que atendem ao mesmo acesse: www.dpvatseguro.com.br.

Poderão ser solicitados outros formulários complementares, como:


Seguro Porteira Fechada – Residencial – Seguro Empresarial

  • Avise as autoridades competentes.
  • Comunique imediatamente seu corretor, Estipulante ou seu Gerente no Banco Nossa Caixa. Preencha de forma legivel o formulario de comunicacao de sinistro – mod.9.20.027
  • Preencha também e de forma legivel o Questionario de Informacoes Adicionais – mod. 9.20.137.
  • Se preenchido o termo de autorizacao de pagamento de sinistro em conta bancaria – mod. 8.20.088, enviar comprovante de existencia da conta ou exigir o abono do gerente da agencia para confirmacao e dispensa do comprovante.
  • Entregue os documentos na sua agência bancária.
  • Após a comunicação, entrar em contato com número (11) 3254-4888 para obter o número do sinistro e consultar a posição do processo.
  • Deve ser aguardada a visita de um vistoriador. Caso a vistoria seja dispensada pela Seguradora, o segurado/agência receberá uma carta da seguradora com o pedido de documento.